ARTIGOS





ARTIGOS

Cinco antídotos contra a inveja



Com a comparação, surge uma aflição. Parece que a vida do outro é sempre melhor. Em tempos de redes sociais, isso se inflama mais ainda. Dessa comparação surge a insatisfação, raiz da inveja. Quem inveja, vê no outro o que lhe falta, e se entristece com sua felicidade.

Mas, você quer ser um buraco negro, que sobrevive às custas da energia dos outros, ou um sol que irradia benefícios? Construímos a realidade que nos cerca a partir do conteúdo do nosso coração. Se nos aproximamos com a intenção de prestar benefício, todos nos acolhem. Se nos aproximamos, querendo sugar o que o outro tem, seremos repelidos.

A inveja é uma emoção perturbadora, um veneno mental que contamina os pensamentos, sentimentos, comportamentos e relações. Mas é possível sair dessa confusão e recuperar o bem estar.

1: perceber a inveja

O primeiro passo é identificar quando a inveja começa a surgir.

2: decidir romper padrões

Decida romper esses padrões reativos e perturbadores, que brotam sem que a gente perceba e acabam direcionando os pensamentos, sentimentos e ações.

3: ativar qualidades

Comece a ativar e fortalecer os antídotos contra a inveja, que são qualidades já existentes em você:

Preciosa vida humana

Reconheça a preciosidade da sua vida humana, alegre-se por estar vivo. Lembre-se disso a cada momento.

Gratidão

Agradecer deve se tornar um hábito: agradeça por estar vivo, por respirar, por tudo o que já viveu. Esteja atento ao que a vida lhe oferece a cada momento, e agradeça.

Alegria Apreciativa

Perceba as potencialidades dos outros, seu sucesso, sua felicidade, aprecie suas vitórias, e se alegre com isso.

4: CULTIVAR QUALIDADES

Concentre-se em cada um dos três antídotos, e cultive esse estado mental. Lembre-se deles diversas vezes ao dia. Repita mentalmente cada um deles. Mantenha-se atendo a eles. Saiba que não é possível dois processos mentais opostos surgirem ao mesmo tempo na mente. Podemos oscilar muito rapidamente entre amor e ódio, mas não é possível sentir os dois no mesmo instante de consciência. Portanto, cultive uma mente saudável, sustentando seu foco, o maior tempo possível, nessas qualidades.

5: PRATICAR INTENCIONALMENTE

De forma intencional, coloque em prática cada um dos três antídotos. Talvez, no início esses comportamentos não sejam espontâneos. Mas vale a pena insistir. É animador saber que a mente, o cérebro e o comportamento mudam em função de experiências repetidas.

Você pode aplicar esses antídotos a muitas outras emoções perturbadoras. Talvez a mudança não seja rápida, mas tenha em mente que, assim como é necessário tempo e esforço para desenvolver qualquer habilidade na escola, no trabalho ou no esporte, da mesma forma, é preciso tempo e dedicação para se tornar um ser humano mais equilibrado e emocionalmente saudável. É um esforço que vale à pena.




COMPAIXÃO CULTURA DE PAZ DESENVOLVIMENTO HUMANO FELICIDADE


Queremos ouvir você

Gostaria de levar o MindEduca para sua instituição?
SAIBA MAIS
Quer realizar um
evento na sua cidade?
ENTRE EM CONTATO
Quer falar
com a gente?
AGENDE UMA CALL
Quer saber mais?
ENTRE EM CONTATO

ANTES DE IR EMBORA

Ouça o Podcast MindEduca

Entrevistas e palestras com Regina Migliori, e também a coluna "Papo Migliori" com temas sobre sobre educação socioemocional, felicidade, altruísmo, compaixão, ética, cultura de paz, entre outros assuntos relacionados ao MindEduca.